segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Fraude!

Em São Paulo, concurso para perito da polícia pelo Instituto de Criminalística foi fraudado.

É preciso ser muito macho para tentar fraudar peritos!

DEMorou!

DEMorou para aparecer alguma coisa hein?

Mas esse é o clima de Natal! Tem oração, panetone e até meio pra deixar presente!

domingo, 29 de novembro de 2009

Planalto Retro

Olha só uma prévia do último Planalto em Desfoco, do programa Falando em Política! Uma breve retrospectiva da nossa política em 2009.

Terça-feira às 16h, tem o programa inteiro, com o quadro Planalto em Desfoco na íntegra no www.radiovirtual.unesp.br !

Torcedor de fim de ano

É impressionante o que surge de sãopaulino, palmeirense e flamenguista nesse fim de campeonato!

Fim de ano é época de torcedor temporário, muito mais que emprego temporário.

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Fórmula-SP

Ano que vem tem corrida da Fórmula Indy nas ruas de São Paulo.

Se os carros ultrapassarem os 5km/h habituais do trânsito na cidade já será sensacional!

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Mercedes SS

A equipe Mercedes GP, da Fórmula-1, já contratou o alemão Nico Rosberg. E já se fala em Michael Schumacher.

Esse negócio de equipe 100% alemão já tá parecendo busca pela pureza da raça ariana, não é não?

sábado, 21 de novembro de 2009

O Maluf que fez

Morre o ex-prefeito Celso Pitta.

Mas não precisa se preocupar! Paulo Maluf já organizou o enterro, contratou 3 empreiteiras e availou tudo em 3 milhões de reais.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Brawn GP, a lenda!

Comprada pela Mercedes, a equipe Brawn GP acabou, criando a incrível história da equipe de Fórmula-1 que estreou na categoria, foi campeã de pilotos e de construtores, e deixou de existir. Tudo isso em um ano.

100% de aproveitamento!

Uni-hãn?

A estudante de turismo que virou ponto túristico na tv por causa do vestido curto vai aparecer hoje no Casseta e Planeta.

A minha paciência também já está beeeem curta.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Pare Cesare!

Julgamento da extradição de Cesare Battisti é suspenso, enquanto estava empatado.

Parece que os jogadores ouviram um apito do juiz do STF e pararam a jogada. Ah, não... acho que isso foi no jogo Palmeiras e Sport!

Magnífico!

Eleições para reitor na USP. O vencedor é o cientista Glaucius Oliva. O segundo colocado é o jurista João Grandino Rodas. Mas é necessário que o governador do Estado de São Paulo escolha o candidato a tomar posse.

José Serra (PSDB) escolheu Rodas.

Sem nos aprofundarmos na questão de o que o governador deve fazer, ou de que regra é essa que a votação não vale nada, olha só porque o governador fez a sua escolha:

"Serra não conhece bem o cientista e tinha poucas informações sobre sua experiência administrativa." segundo noticia o Estadão.

Numa só tacada, Serra aparece como alguém mal-informado e mal-assessorado. Desse modo, que condições ele tinha de escolher o novo reitor?

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Planalto em Desfoco 4

Que tal uma prévia do que vai pro ar já já no Falando em Política?

Mais podcast de humor, do Planalto em Desfoco.



Por favor, opiniões, comentários e críticas!

Todo jogo é um tribunal

Palmeiras já definiu sua estratégia para os últimos jogos!

Advogados na defesa e Belluzzo no ataque.

Foi e voltou

Parece que a Uniban ficou na maior saia-justa!

domingo, 8 de novembro de 2009

Para Flávio Gomes o que Globo faz nas transmissões é desinformar

Flávio Gomes, jornalista especializado em Fórmula-1, comentou com o Observatório do Esporte e com o blog Russo Logo Existo os motivos que o levaram a escrever em seu blog que “O problema de Barrichello é a Globo”.



Para ele, a Globo não faz isso só na Fórmula-1, mas também no Vôlei, no Futebol, nas Olimpíadas. Só que nas corridas, isso se agrava. O que acaba prejudicando os pilotos brasileiros:




Perguntado sobre o que faria se dirigisse uma transmissão de Fórmula-1, Flávio Gomes ressaltou o principal ponto: é proibido torcer nas transmissões. "Quem torce é o torcedor. Jornalista tem que informar. Se não, não precisava de narrador, repórter, comentarista."

Flávio Gomes é jornalista há 27 anos. São 21 anos cobrindo F-1. Em 1995, ele criou a agência de notícias Warm Up, e no ano seguinte criou o site da agência. Em 99, em parceria com o Ig, o site mudou o nome para Grande Prêmio.

O site tem uma equipe de 9 pessoas. Segundo Flávio Gomes, todo mundo é repórter, redator, correspondente.

Além do site e da agência de notícias, Flávio Gomes trabalha na ESPN e na rádio Eldorado, falando não só de F-1, como de futebol. Ele também envia notícias e colunas de Fórmula-1 para mais de 20 jornais. Rotina? Flávio diz que não existe:

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Uai!

Se o STF vai aceitar ou não a ação contra o responsável pelo Mensalão Mineiro, Eduardo Azeredo, do PSDB-MG, não sabemos. Mas pelo menos há um consolo:

Se não acaba em pizza, acaba em pão de queijo!

Psiu

Psiquiatra mata 12 pessoas em base dos Estados Unidos

Esse cara está precisando urgentemente de um psicopata.

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Turistas...

A estudante de turismo que indignou os colegas de faculdade por causa da roupa que vestia não precisa nem terminar a faculdade.

Já virou ponto turístico na Tv.

Cosworth os Anos 2000: poucos resultados

Rubinho oficialmente vai correr na Williams o ano que vem. Seu companheiro será o campeão da GP Nico Hulckenberg, alemão (ai ai).

O problema, na minha opinião, é o motor Cosworth, que costuma ser a quarta, quinta opção de motor de uma equipe, como eu já disse aqui.

Dei uma olhada no histórico da Cosworth na F-1 dessa década... De 2000 a 2004 ela forneceu motores à Jaguar; de 2003 a 2005 para a Minardi; 2002 Arrows, 2005 Red Bull e 2006 Toro Roso e a própria Williams. Desde então, não equipava nenhuma equipe. Ano que vem deve equipar também a USF1.

Nessas 7 temporadas, o melhores resultados dos motores foram 2 terceiros lugares de Eddie Irvine, pela Jaguar: em Mônaco, em 2001 e na Itália, em 2002.

A melhor posição da Cosworth num mundial de pilotos foi o 9º lugar de Irvine em 2002. Nos construtores, dois 7º lugares da Jaguar(em 2002, com 11 equipes correndo, e em 2003, com 10 equipes na disputa).

Em 2006, com a Williams, o melhor piloto da equipe foi Mark Webber, que só marcou 7 pontos.

Como será 2010? Afinal, já é outra década.

10 anos sem Greg Moore

Ontem, completaram-se 10 anos da morte do piloto canadense Greg Moore, em Fontana, última etapa da F-Indy, em 1999.



Me lembro dessa corrida, porque foi a primeira vez que vi um acidente fatal no automobilismo. Como na morte de Senna eu só tinha 5 anos e ainda não me interessava por corridas [parece estranho isso, mas já ouvi falar de um monte de fãs incondicionais que viram a morte de Senna aos 5, 4, 3 anos...].

Assistia a corrida pela transmissão do Sportv. Naquela época a categoria ainda atraia muitos fãs por causa das transmissões do SBT e do maior sucesso de piloto brasileiros (Gil de Ferran brigava pelo título enquanto Barrichello corria na modesta Stewart pela F-1) e pode-se dizer que em alguns momentos chegava a disputar a atenção da F-1.

A corrida marcou o título do colombiano Juan Pablo Montoya, sensação do ano, que logo no ano seguinte estrearia na F-1.

O que me lembro é do narrador chamando a atenção para o fortíssimo acidente do canadense Greg Moore. O socorro foi rápido, mas um repórter ia acompanhando as notícias. Lembro de um nível de gravidade das lesões: de 1 a 5, sendo 1 o mais leve e 5 a morte cerebral. O repórter repassou a informação dos médicos: 4. Era muito sério.

Depois de alguns minutos o narrador anunciou: Greg Moore não resistiu e faleceu.

Eu nunca tinha visto isso... um piloto que eu conhecia, vi correndo nas outras etapas, li uma reportagem sobre seu talento na revista Racing daquele ano (capa, se não me engano) e naquele acidente que eu vi ao vivo, ele perdia a vida.

domingo, 1 de novembro de 2009

2009? Vamos falar de 2010!

Acabou a temporada 2009 de F-1... vamos falar de 2010!

Na arte técnica: o que mais deixa as corridas chatas são as estratégias de pit stop. Alguns pilotos param, outros não, por causa do combustível e dos pneus. Alguns carros são mais rápidos. Essas coisas “invisíveis” que acabavam determinando os resultados da corrida.

Ano que vem não vai ter mais reabastecimento. O que deve acontecer? Os carros vão ficar maiores, mais feios, provavelmente, começaram a corrida bem mais lentos, e aos poucos vão melhorando os tempos. A pergunta que resta é como os pneus vão se adaptar a isso. Se as equipes optarem por ficarem trocando o pneus pra evitar o desgaste, vamos acabar temos o que tivemos nos últimos anos na F-1.

Vários pit stops e carros mais lentos ou mais rápidos por causa dos pneus. Difícil acompannhar a corrida. Tomara que não.

Falando sobre os pilotos, vamos há algumas previsões:

Primeiro,a Brawn não deve ter tanta vantagem para as outras equipes. Os carros vão mudar e tudo deve se equilibrar.

Na Ferrari, a dupla Alonso e Massa não deve ser uma dupla paz e amor. Os dois vão brigar por vitórias e posições. Talvez essa disputa prejudique a Ferrari.
Eu aposto que o Raikkonen não corre na McLAren. Acho que ele vai pular fora da categoria.

Bruno Senna na Campos F1 vai enfrentar os problemas de um piloto estreante numa equipe estrenate. Só vamos torcer para que Senna possa chamar a atenção de outras equipes.

Barrichello, ao que tudo indica correrá na Williams, que não é mais aquela equipe forte de antes. E eu acredito que ano que vem o Rubinho não vai ter a sorte desse ano. A Williams vai correr com o motor Cosworth, que costuma ser a quarta, quinta opção de motor para uma equipe...

Minha aposta para o ano que vem é a Red Bull, mais especificamente Vettel!

Verdão?

Hoje o Palmeiras jogou com o Corinthians usando o uniforme reserva.

A cor que o Verdão menos usou esse campeonato foi o mesmo o verde.